O que quero dizer a todas as crianças!

Gostava de dizer que há uma característica tua que é a melhor do mundo: a espontaneidade. Esse pensamento, essa frase que não sai filtrada, essa risota sem fim de coisas tão banais, e essa birra são para preservar, fazem parte do que os adultos chamam de genuinidade.

Alguns desses adultos vão tentar tirar-te essa capacidade, vão dizer-te frases como: “está sossegado”,  “não sabes o que dizes”, “ainda tens muito que aprender para teres opinião”, “isso não se diz”, “não te rias alto”. Vai aprendendo que há regras sim, há normas e comportamentos que não são bem vistos pela sociedade, mas aprende também que não devem reprimir-te, que dentro disso deves ter a liberdade para seres tu de forma franca.

Quero dizer-te que não faz mal se nem toda a gente gostar de ti, que não faz mal seres diferente, que não faz mal seres tímido ou extrovertido, que não faz mal gostares de desporto ou de leres ficções, não faz mal arriscares e não faz mal teres medo.

Gostava que soubesses que se sentes culpa por os teus pais se terem separado, se sentes culpa quando alguém te magoa, se sentes culpa por não corresponderes às expectativas que os outros têm sobre ti, o meu abraço aperta-te com força e carinho enquanto te digo que a culpa jamais será tua.

Deixa-me dizer-te, que estes são os melhores momentos da tua vida, e que vais ouvir isto muitas vezes, tantas quantas necessárias, até que acredites que realmente assim o é.

Queria pedir-te para que vejas sempre o mundo pelas tuas lentes, para que consigas sentir empatia, esperança, leveza e optimismo todos os dias da tua vida.

Aproveita os abraços, os beijos, os mimos, a tua comida preferida, a música que ouves em repetição para além do limite de cansaço dos teus pais, anda descalço na terra, suja-te, brinca com animais, olha para as estrelas, anda à chuva.

Independentemente do que te tenha acontecido na infância, o futuro pertence-te e conseguirás conquistar tudo aquilo que quiseres.


4 thoughts on “O que quero dizer a todas as crianças!

  1. Uma enorme sensibilidade… ternura sem limites !Texto escrito com o coração onde a razão impera! Sempre e para sempre viva a Criança que existe em todos . Parabéns querida Feliz dia da Criança. Beijo.

    Liked by 1 person

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s