Sobre empatia e uma pergunta filosófica que acabou numa anedota para adultos…

Depois da minha caminhada gosto sempre de me sentar de frente para o mar. Costumo recostar-me num banco, tirar os óculos da cara e colocá-los em cima da cabeça a prender o cabelo, fecho os olhos e fico alguns momentos em silêncio. Hoje não foi excepção, com a pequena diferença do meu momento de introspecção … More Sobre empatia e uma pergunta filosófica que acabou numa anedota para adultos…